Oasis of the Seas

sol

Uma semana de Cruzeiro pelo Caribe em um dos maiores navios do mundo: o Oasis of the Seas, passando por lindas ilhas: Nassau (Bahamas), St. Thomas (Ilhas Virgens Americanas) e Sint Maarten (Países Baixos).

 

Álbum de fotos e vídeo da viagem

Oasis of the Seas | Maio de 2016
✈ Rio x Miami

Chegamos em Miami as 7hs da manhã pela TAM, muito cedo para aguardar a saída do Cruzeiro no Porto até as 16hs, então, alugamos um carro e aproveitamos um pouco em Miami.

O valor do transfer para o porto em Fort Lauderdale (local da partida do Cruzeiro), nesta ocasião, ficava no valor de $25 dólares por pessoa e o aluguel de um carro, $67,00 dólares a diária. Então, valeu muito mais a pena alugarmos um carro, para zanzar em Miami nesse tempo. Ah! E o carro pode ser devolvido no próprio Porto de Fort Lauderdale.

O NAVIO

Com capacidade todal para 5.400 pessoas, em 18 andares o Oasis of the Seas exibe com sofisticação, diversas lojas, restaurantes, áreas de lazer com piscinas, espreguiçadeiras por todos os lados e diversos jacuzzi aquecidos com vista para o mar; teatro, cassino, boates, academia; um Central Park todo arborizado, para que você se sinta como estivesse em terra, em um parque ou em um shopping, entre outros.

Central Park
Ernesto e Diva Moll no Central Park

Oasis of the Seas

Para nossa surpresa, o Oasis of the Seas é igualzinho ao Allure of the Seas, não muda absolutamente nada, nem a disposição das lojas e restaurantes de cada andar do navio. Há uma diferença mínima de tamanho entre eles, o Allure até o ano de 2014 ainda era o maior do mundo, porém estava em construção um ainda maior. Hoje, o maior é o Harmony of the Seas, com capacidade para 6.360 passageiros e 2.100 tripulantes, lançado ao mar em 2015.

Oasis of the Seas
Oasis of the Seas

Para quem quer ir com crianças, é perfeito. Várias áreas do navio são destinadas para elas: piscinas especiais e temáticas, áreas para desenho e pintura, jogos, brinquedos, shows, etc. Para adutos e adolescentes, tem dança, karaokê, golf, tiroleza, surf, nos divertimos muito! E a noite não acaba, os eventos noturnos continuam a todo o vapor.

Jacuzzi aquecido
Jacuzzi aquecido

Assistimos a três espetáculos:

  • Oasis of Dreams, no Aqua Theater: uma mistura dança, acrobacias e saltos na água, esse não dá para perder!
  • Frozen in Time, no Studio B: um show de patinação no gelo com dançarinos perfeitos!
  • Come fly whif me, no Opal Theater: foi um musical bem movimentado, com acrobacias, o show acontece praticamente todo no alto!

Esse último espetáculo, não havíamos assistido no Allure, os dois primeiros, foi exatamente o mesmo show, porém, vale a pena assistir novamente, eles são ótimos. Os espetáculos ocorrem em diversos dias e horários, para participar, é preciso reservar assento logo nos primeiros dias, no Deck 5, Promenade.

Oasis of the Seas
Deck 5, Promenade

Gastronomy

GASTRONOMIA

Café da manhã: o café da manhã é realizado em vários locais no navio e tem de tudo, frutas, pães, croissant, queijos, geléias, ovos mexidos, etc. É muito bem servido até as 11h da manhã.

Almoço: o almoço principal é em um ambiente grande, onde acomoda muitas pessoas, como se fosse um grande refeitório, com garçons servindo a bebida. A comida é muito boa, experimentamos massas, molhos, carne, frango, eles oferecem muita variedade, todos os dias. A sobremesa não atraiu muito em nenhum dos dias, eram elaboradas, mas completamente sem sabor ou com gosto artificial, não simpatizamos com a sobremesa. Além desse local, ainda se pode escolher almoçar em lancherias e outros restaurantes que estão distribuídos no navio, mediante reserva e alguns, também, pagos a parte.

Jantar: o restaurante principal de jantar é sofisticado e muito bom! O cardápio variou todos os dias, com direito a entrada, prato principal, e sobremesa, essas sim eram uma delícia.. Na ocasião da janta, as bebidas funcionam conforme o pacote, quem tiver o pacote alcoólico desfrutará do vinho, por exemplo, ou então poderá ser pago a parte, vejo no tópico seguinte, sobre o pacote de bebidas.

Há noites formais e informais. Em noites formais, o traje é social. Homens, podem levar terno e gravata e as mulheres um vestido para não destoar, o pessoal se arruma mesmo!

💡 Dica: na hora da compra do cruzeiro você deve escolher entre duas opções para o seu jantar: o jantar com hora marcada, que você escolhe o horário em que quer jantar ou o My Time Dining, que foi a nossa escolha, você janta em qualquer horário, a partir das 18h30 até as 21h, mediante reserva com 1 dia de antecedência, porém, nós não reservamos nenhum dia e não houve nenhum problema. 🙂

soft-drinksPACOTE DE BEBIDAS

Não esqueça de comprar o seu pacote de bebidas, ele é individual. Nós compramos no primeiro dia, no navio (deck 5, Promenade), porém você pode estar comprando antes, com a Royal. O navio oferece gratuitamente água, café e chá. Para as outras bebidas, há vários pacotes e você analisa em qual deles se encaixa melhor.

💡 Dica: Como nós estávamos em família, escolhemos para uma pessoa 1 pacote alcoólico ($39,90 p/dia) e para cada um dos outros familiares, o básico ($8,00 p/dia), que tem refrigerante de vários tipos. Isso gera uma boa economia. Quando se quer um drink, a pessoa do pacote alcoólico pode pegar, porém, os garçons não estão autorizados a entregar mais de um drink na mesma ocasião e como o pacote é individual, a princípio, aquela bebida só pode ser para o dono do pacote alcoólico.

Acho que eles deveriam organizar melhor esse esquema das bebidas, pois nem sempre alguém toma refrigentante o tempo todo e nem sempre álcool o tempo todo, a pessoa poderia escolher qual pacote quer beber e contratar no dia, por exemplo. Mas eles querem que você compre avulso, o que acaba saindo mais caro.

INTERNET

Contratamos internet através do próprio WI-FI disponibilizado para a compra, já dentro do navio. Não foi nada barato, pelo que me lembro, pagamos em torno de $19,00 dólares por dia, para dois aparelhos. A internet estava ótima.


PASSEIOS

A Royal Caribbean vende pacotes de passeios para todas as ilhas, porém, nós fizemos tudo por conta própria. Veja sobre os três locais onde paramos neste cruzeiro e algumas dicas que podem ajudar na sua viagem:

NASSAU, Bahamas

Atracamos bem cedo, por volta das 7h da manhã e nessa hora já estávamos prontos para descer do navio. Como ele ficaria ali apenas até as 14h, aproveitamos mesmo somente a parte da manhã na praia e logo depois fizemos um passeio pelo centro da cidade.

Nassau, Bahamas

Oasis of the Seas
Nassau, Bahamas

Resorts em Nassau

Nassau tem um Resort que fica a espera dos turistas, o Atlantis Paradise Island. É um resort com diversas atrações como parque aquático, golf, atividades para crianças, aquário marinho, entre outros. Nós não fomos pra lá, pois a intensão era passeio na praia e conhecer a cidade, pois o tempo era curto, mas muitas pessoas preferem ir direto para esse Resort e passar todo o tempo por lá.

Atlantis, Paradise Island

Paradise
Atlantis, Paradise Island (fotos retiradas do sítio do Resort)

ST. THOMAS, Ilhas Virgens Americanas

St. Thomas é uma das Ilhas Virgens Americanas, a ilha é grande e as praias são distantes uma das outras, por isso, diversos taxis ficam prontamente aguardando os turistas na chegada do navio, porém, nós resolvemos alugar um carro. Como estávamos em família foi menos dispendioso e conseguimos percorrer pela ilha com mais tranquilidade.

💡 Dica: Para alugar o carro em St. Thomas, pegue um taxi até o aeroporto, lá tem uma central de locação de carros com umas quatro lojas, uma ao lado da outra, pesquise a mais barata, há uma variação entre elas.

Resort Emerald

Nossa primeira parada foi no Resort Emerald, oportunidade em que conhecemos a prainha particular. Ficamos muito pouco tempo ali, como a praia estava localizada no local onde aguardávamos o carro, foi ótimo, aguardamos com essa vista:

St. Thomas

St. Thomas
Resort Emerald, st. Thomas

Coki Beach

Escolhemos ir até Coki Point Beach. O estacionamento é um pouco confuso e pequeno, estava lotado. A praia é belíssima… Não deu mais vontade de sair da água, porém, também aproveitamos a sombra, entre uma Corona e outra, pois estava muito calor. Tem restaurantes, os garçons atendem na praia e fomos muito bem atendidos. Também tem loja de mergulho, aluguel de snorkel, stand up paddle, jet skyi, a praia é totalmente preparada para o turismo, vale muito a pena conhecer.

St. Thomas

Coki Beach

Coki Beach
Coki Beach

Magen’s Bay

Depois, seguimos para a Magen’s Bay, onde pagamos em torno de $4,00 para entrar. A praia é arborizada, com muitos coqueiros e tem uma área de lazer grande, para piquenique, com banheiros, mesas e um bar. Difícil foi achar comida, estava muito cheio e os garçons mau humorados. 🙄 Só deu para provar um Frozen de Morango. Depois, seguimos para o centro da cidade, que é cheio de joalherias e eletrônicos por lá, e o melhor, as lojas são isentas de impostos!

💡Dica: há sinal em St. Thomas para quem estiver com chip americano pré-pago no celular.

ST. MARTEN, Paises Baixos

Outra ilha linda e maravilhosa, Saint Marten. Ela é dividida, um lado é Francês e outro Holandês. Nós atracamos em Philipsburg, na capital, no lado Holandês. Gostamos da ideia de alugar um carro, então resolvemos deixar o taxi de lado de novo.

💡 Dica: Para alugar o carro, tem locação no porto mesmo, mas alugue de grandes empresas, tipo Hertz, por exemplo, que tem lá, pois nós acabamos caindo na lábia de um vendedor e pegamos um carro super velho. Não caiam na lábia dos vendedores.

💡  A mão é invertida, mantenha-se do lado esquerdo da pista. Os carros são “normais”, o voltante fica no lado esquerdo.

Maho Beach

A ilha tem muitas praias 100% lindas, foi difícil de escolher, mas sabiamos que uma delas não poderia faltar: a praia dos aviões.

Saint Marten
Maho Beach, “a praia dos aviões”

No lado Holandês ao lado do aeroporto Princesa Juliana, está localizada a praia Maho Beach, conhecida como “a praia dos aviões”. Na aterrissagem os aviãos passam muito perto das pessoas e na decolagem o deslocamento do ar é fortíssimo e faz uma ventania louca que quase derruba quem está na praia! É divertido, porém, perigoso!

Saint Marten
Maho Beach

Orient Bay

No lado Francês, fomos a Orient Bay e essa me supreendeu muito, pelo seu tom de azul da água, bem clarinha, juro, não deu vontade de sair nunca mais. Ficamos nas espreguiçadeiras, tomamos uma bebida e mais tarde resolvemos caminhar longo dela, foi então que descobrimos o lado nudista da Oriet Bay, inclusive, há hotéis naturistas naquele lado, como o Club Orient, para quem gosta da prática e quiser dar uma espiada, coloquei o link.

Orient Bay
Orient Bay, Saint Marten

Oasis of the Seas

Orient Bay
Orient Bay, lado nudista

CURIOSIDADE

Comparação do navio Titanic com o Allure, o maior do mundo até 2014.

Titanic x Allure

 

Até a próxima! 😉

Deixe seu comentário